0 2207

    Pesquisa da Fundação SOS Mata Atlântica em 111 rios não encontrou água limpa

    Águas poluídas do Rio Tietê em Pirapora do Bom Jesus, interior do Estado de São Paulo. Foto: Marcos Santos (USP Imagens).
    Águas poluídas do Rio Tietê em Pirapora do Bom Jesus, interior do Estado de São Paulo. Foto: Marcos Santos (USP Imagens).

    Não foi possível encontrar um único rio com água totalmente limpa. Essa foi a conclusão a que chegou uma análise realizada nas águas de 111 rios em cinco estados brasileiros e no Distrito Federal pela Fundação SOS Mata Atlântica.

    0 1212

    Tecnologia e recursos digitais ajudam a melhorar a qualidade de vida do cidadão

     

    Visão estratégica para uma cidade inteligente (fonte: IBM)
    Visão estratégica para uma cidade inteligente (fonte: IBM)

    Também conhecidas como Smart Cities, as cidades inteligentes utilizam a tecnologia e recursos digitais para melhorar o desempenho, reduzir custos e consumo de recursos e se envolverem de forma mais eficaz e ativa com seus cidadãos a fim de melhorar qualidade de vida da população. Uma cidade inteligente deve ser capaz de responder mais rapidamente aos problemas e desafios globais e ter uma relação com os habitantes, onde todos possam ser agentes transformadores, causando uma verdadeira revolução social através da informação.

      0 793

      Até 2023, a potência instalada no país deve chegar a 22,4 GW

      Parque eólico na Bahia.
      Parque eólico na Bahia.

      A energia eólica gerada no Brasil chegou à marca de 6 gigawatts (GW) de potência instalada e uma participação de 4,5% na matriz elétrica.

      Em todo o Brasil estão em operação atualmente 241 parques eólicos distribuídos por onze estados. Os dados são da Associação Brasileira de Energia Eólica (Abeeólica).

        0 1561
        Movido a hidrogênio ou ligado na tomada, as pesquisas avançam para deixar o ar mais limpo
        Como funciona uma célula combustível.
        Como funciona uma célula combustível.

        Entre os modelos até agora testados, o carro elétrico movido a hidrogênio, segundo os pesquisadores, é o mais viável. Além de não emitir poluentes, a performance conseguida com o hidrogênio se aproxima muito dos carros tradicionais.

        0 1699
        Projeto da Universidade Livre do Meio Ambiente chega aos bairros de Curitiba para estimular professores, alunos e moradores a pensar no meio ambiente

        meubiobairro01

        Para educar e mobilizar os cidadãos da capital paranaense sobre os temas ambientais, nasceu, na Universidade Livre do Meio Ambiente o projeto Meu BioBairro.

        Partindo do princípio de que é preciso conhecer para mudar a realidade, o projeto remete o cidadão à reflexão das condições ambientais do bairro onde mora, estimulando a participação da comunidade no desenvolvimento de redes sociais de mobilização ambiental.

        O projeto é voltado para alunos, professores, agentes de saúde e membros da comunidade em geral.

        O BioBairro remete à uma atitude ambiental urbana sustentável e integrada nas áreas de resíduos sólidos, arborização e áreas verdes, conservação da água, adaptação climática e mobilidade urbana.

        O suporte da Unilivre vem através de atividades de educação ambiental, redes de comunicação e mobilização junto à escolas, associações e outras comunidades, buscando o engajamento de professores professores e alunos, lideranças comunitárias e outras pessoas, sempre na tentativa de torná-los agentes de sustentabilidade ambiental urbana local.

        Mais informações http://unilivre.org.br/index.php/projetos/acesso-a-projetos/96-projeto-meu-biobairro

          0 1397

          nascente

          • A água faz parte do patrimônio do planeta. Cada continente, cada povo, cada nação, cada região, cada cidade, cada cidadão, é plenamente responsável aos olhos de todos.
          • A água é a seiva de nosso planeta. Ela é condição essencial de vida de todo vegetal, animal ou ser humano. Sem ela não poderíamos conceber como são a atmosfera, o clima, a vegetação, a cultura ou a agricultura.
          • Os recursos naturais de transformação da água em água potável são lentos, frágeis e muito limitados. Assim sendo, a água deve ser manipulada com racionalidade, precaução e parcimônia.
          • O equilíbrio e o futuro de nosso planeta dependem da preservação da água e de seus ciclos. Estes devem permanecer intactos e funcionando normalmente para garantir a continuidade da vida sobre a Terra. Este equilíbrio depende em particular, da preservação dos mares e oceanos, por onde os ciclos começam.
          • A água não é somente herança de nossos predecessores; ela é, sobretudo, um empréstimo aos nossos sucessores. Sua proteção constitui uma necessidade vital, assim como a obrigação moral do homem para com as gerações presentes e futuras.
          • A água não é uma doação gratuita da natureza; ela tem um valor econômico: precisa-se saber que ela é, algumas vezes, rara e dispendiosa e que pode muito bem escassear em qualquer região do mundo.
          • A água não deve ser desperdiçada, nem poluída, nem envenenada. De maneira geral, sua utilização deve ser feita com consciência e discernimento para que não se chegue a uma situação de esgotamento ou de deterioração da qualidade das reservas atualmente disponíveis.
          • A utilização da água implica em respeito à lei. Sua proteção constitui uma obrigação jurídica para todo homem ou grupo social que a utiliza. Esta questão não deve ser ignorada nem pelo homem nem pelo Estado.
          • A gestão da água impõe um equilíbrio entre os imperativos de sua proteção e as necessidades de ordem econômica, sanitária e social.
          • O planejamento da gestão da água deve levar em conta a solidariedade e o consenso em razão de sua distribuição desigual sobre a Terra.

            0 2853
            Especialistas reforçam a importância da proteção e preservação do recurso
            Campanha da Turma da Mônica (Maurício de Souza)
            Campanha da Turma da Mônica (Maurício de Souza)

            22 de março. Dia da Água. A data, criada pela Organização das Nações Unidas – ONU para fomentar a discussão de temas acerca do líquido da vida.

            De toda a água do planeta, apenas 0,008% é própria para consumo.

            0 832
            Pesquisa da Engenharia Ambiental da UFPR vai mostrar efeitos dos gases emitidos na cidade sobre os livros
            Exemplar da Bíblia de Mongúncia. (BN)
            Exemplar da Bíblia de Mongúncia. (BN)

            Dois exemplares da Bíblia de Mogúncia, escritas em latim em 1462 e a primeira das duas edições de “Os Lusíadas”, de Luís Vaz de Camões, estão entre os milhões de títulos que compõem o acervo da Biblioteca Nacional no Rio de Janeiro que estão ameaçados pela poluição.