Serviços nos parques nacionais serão terceirizados

0 323
Compartilhe Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPrint this pageEmail this to someone
A ideia é tornar os parques rentáveis e sustentáveis, transformando-os instrumentos para tornar a conservação ambiental uma prioridade nacional.
Canionismo no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. Foto: Ion David/ICMBio/divulgação).
Canionismo no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. Foto: Ion David/ICMBio/divulgação).

Serviços de cobrança de ingressos, transporte de turistas, restaurantes, lojas de souvenirs e atividades esportivas na natureza dentro dos parques nacionais serão terceirizados. A intenção é que essa terceirização, realizada através do Ministério do Meio Ambiente, comece a funcionar ainda em 2016 nos parques nacionais de Brasília (DF), Chapada dos Veadeiros (GO) e Pau-Brasil (BA).

Segundo o MMA, a ideia é tornar os parques rentáveis e sustentáveis, transformando-os instrumentos para tornar a conservação ambiental uma prioridade nacional.

Segundo o presidente do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Ricardo Soavinski, responsável pela gestão das unidades de conservação (UCs) federais, estudos de viabilidade para concessão estão em andamento em várias UCs do País.

Para as concessões que devem iniciar este ano, o que está previsto é ter, em Brasília, abertura de cobrança de ingresso, estacionamento, loja de conveniência, lanchonete, aluguel de bicicleta e centro de visitantes com auditório e espaço para eventos.

Na Chapada dos Veadeiros, cobrança de ingresso, transporte interno, acampamento e loja de conveniências. E no Parque do Pau-Brasil, cobrança de ingresso, estacionamento, acampamento, lanchonete, empório, tirolesa, arvorismo e transporte interno.

Quatro parques nacionais – Iguaçu (PR), Tijuca (RJ), Fernando de Noronha (PE) e Serra dos Órgãos (RJ) – já adotam as concessões de serviço de uso público há alguns anos.

O modelo vem dando bons resultados. Além de melhorar o atendimento aos visitantes, gera recursos que são investidos na estruturação das unidades de conservação.

No Brasil, atualmente, são 326 unidades de conservação que abrangem 9% do território nacional. Dessas, 72 são parques nacionais, localizados em todas as unidades da Federação, totalizando cerca de 26 milhões de hectares que recebem mais de 8 milhões de visitantes por ano.

Compartilhe Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPrint this pageEmail this to someone

NO COMMENTS

Leave a Reply