horta comunitária

Ideia é envolver os moradores na produção de hortaliças e ocupar o espaço ocioso na cidade.

 

Mudar o comportamento do cidadão que vive na cidade, promover o respeito ao meio ambiente e ocupar os terrenos ociosos como área de terapia ocupacional para a terceira idade e promover a integração entre os moradores de uma mesma comunidade. Esses os objetivos do programa de Hortas Comunitárias e Compostagem criado pela Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Sul, no Rio Grande do Sul.

“É uma forma de promover inclusão social produtiva de cidadãos e grupos sociais, mediante apoio e iniciativas que visem à cooperação na produção agroecológica de alimentos de forma solidária e voluntária, para o autoconsumo”, explicou o criador da proposta, Alex Knak.