Uma viagem no tempo na Hora do Planeta

0 757
Compartilhe Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPrint this pageEmail this to someone
De olho no futuro, filme oficial da Hora do Planeta, promovida pelo WWF-Brasil, traz idosa que vive em 2090 para 2016, ano em que, ainda criança, participou da edição da campanha.
Divulgação.
Divulgação.

Como estará o mundo em 2090? Comemorando que a temperatura global não aumentou mais do que 1,5ºC. Esta é a mensagem do filme oficial da Hora do Planeta 2016, que acontece no sábado 19 de março, quando milhares de cidades, empresas e pessoas apagam as suas luzes, entre 20h30 e 21h30, em um grande alerta mundial contra as mudanças climáticas promovido globalmente pela Rede WWF e, aqui, no nosso país, pela organização ambientalista WWF-Brasil.

Assinado pela Iris Worldwide, o filme “O Futuro Começa Agora” apresenta uma idosa que vive em 2090 e retrocede até 2016. Nele, ela se lembra de quando, ainda criança, participou da Hora do Planeta. Na volta ao tempo, a personagem destaca vitórias da humanidade na luta contra o aquecimento global. Cita que, em 2060, a economia mundial se tornou livre da emissão de carbono e que, em 2040, a última usina de carvão deixou de operar.

No Brasil, a Hora do Planeta acontece desde 2009. Anualmente, a adesão é cada vez maior da sociedade brasileira, com milhares de participantes na campanha em todas as regiões do país. Em 2015, a Hora do Planeta contabilizou 185 cidades no Brasil, incluindo todas as capitais e o Distrito Federal. O número representou 41 cidades a mais do que no ano anterior, que detinha o maior envolvimento nacional desde a primeira edição da campanha no país. No ano passado, os municípios brasileiros apagaram mais de 627 ícones, entre eles os Arcos da Lapa (RJ), o Monumento às Bandeiras (SP), a Igrejinha da Pampulha (BH), o Congresso Nacional e o Palácio do Planalto (DF).

Você pode assistir ao vídeo em nosso portal, no link http://ineam.com.br/videos/
Saiba mais em: www.wwf.org.br/horadoplaneta

(Fonte: WWF Brasil)

Compartilhe Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPrint this pageEmail this to someone

NO COMMENTS

Leave a Reply